Conheça as principais cachoeiras de Pirenópolis

Se você gosta de um banho de água doce em meio a natureza, você vai amar Pirenópolis. Há opções de cachoeiras para todos os gostos, com pouca trilha ou com algumas boas horas de caminhada. O importante é que todas elas levam para um lugar para relaxar e curtir a natureza de perto. 

Onde fica Pirenópolis? 

Pirenópolis, mais conhecida como Piri, é uma cidade localizada no estado de Goiás, no coração do Cerrado brasileiro. A cidade fica apenas a 120 quilômetros da capital, Goiânia, e é o lugar perfeito para passear e curtir a natureza sem pressa. Seu nome é uma homenagem à Serra dos Pirineus, que cerca a cidade. 

É destino turístico de muitas pessoas que querem conhecer sua arquitetura estilo híbrido entre o colonial e neoclássico, tombada como Patrimônio Histórico Brasileiro e suas exuberantes belezas naturais. 

Seu perímetro conta com mais de 80 quedas d’água espalhadas em sua extensão, sendo que várias delas possuem infraestrutura para os turistas. Para te orientar sobre as melhores e mais bonitas cachoeiras de Pirenópolis, criamos este guia de destinos maravilhosos e que merecem a sua visita. 

1 – Cachoeira do Abade

Cachoeira do Abade
Cachoeira do Abade- Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis

Uma cachoeira com impressionantes 22 metros de queda, que deságua em um poço de 900m² com águas cristalinas. A Cachoeira do Abade é considerada uma das mais bonitas de Pirenópolis. 

Ela fica localizada na região dos Pirineus e possui duas opções de trilhas, uma com 400 metros, totalmente pavimentada, e outra de 2.500 metros, que durante o caminho, mostra a beleza de outras quedas d’água que fazem parte da reserva. 

Para chegar à Reserva do Abade, siga pela Rodovia Parque dos Pireneus a partir do centro de Pirenópolis e, ao avistar a placa indicativa, desvie à direita. Percorra 17 km até alcançar a sede, onde há estacionamento disponível.

 

2 – Cachoeira do Lázaro

Cachoeira Lázaro - Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis
Cachoeira Lázaro – Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis

A Cachoeira do Lázaro é um lugar tranquilo e com um poço que não ultrapassa 1,50 metros, sua formação tem areia branca que permite a formação de uma praia natural. 

A Cachoeira do Lázaro é parte da Reserva Ecológica Vargem Grande, onde também se encontra a Cachoeira Santa Maria. Ambas podem ser facilmente visitadas no mesmo dia.

Localizada a 11 km da cidade, na direção leste pela estrada da Serra dos Pireneus, sendo 8 km em estrada de terra, o local oferece uma excelente infraestrutura, incluindo estacionamento, banheiros, lanchonete e presença de salva-vidas nos finais de semana e feriados.

 

3 – Cachoeira Paraíso

Cachoeira Paraíso - Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis
Cachoeira Paraíso – Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis

A Cachoeira do Paraíso é composta por três quedas d’água e seis piscinas naturais de água cristalizada. Sua queda não é imponente, mas seu poço é profundo e o espaço é amplo, permitindo uma maior entrada de sol. Isso facilita o banho na cachoeira, que é sempre refrescante devido à sua água gelada.

Além das cachoeiras, os visitantes têm à disposição um restaurante de comida regional, área de descanso em redes, parquinho infantil, uma piscina aquecida e aconchegante, além de espaço para camping.

Para chegar ao complexo da Cachoeira Paraíso a partir do centro de Pirenópolis, siga pela GO-338 e vire à direita na placa que indica a entrada para a estrada de terra que conduz à sede da propriedade, onde há um amplo estacionamento disponível. O trajeto total tem 35 km, com os últimos 7 km em estrada de terra em boas condições.

 

4 – Cachoeira dos Dragões 

Cachoeira dos Dragões - Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis
Cachoeira dos Dragões – Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis

A Cachoeira dos Dragões está localizada dentro de uma propriedade que abriga o Mosteiro Zen Eisho-Ji. Sua trilha de acesso é um pouco mais difícil e longa, mas o conjunto de oito cachoeiras compensa a caminhada. 

O percurso total tem 4,3 quilômetros, ida e volta. Para explorar as oito cachoeiras, o tempo médio do passeio varia entre 2 horas e meia a 4 horas, incluindo paradas para fotos e banhos refrescantes.

Para chegar às Cachoeiras dos Dragões a partir do centro de Pirenópolis, siga pela GO-338 e vire à direita na placa que indica a entrada da estrada de terra que conduz à sede. Lá, encontrará um amplo estacionamento. O trajeto total é de 40 km.

 

5 – Cachoeira das Araras

Cachoeira das Araras
Cachoeira das Araras – Foto: Reprodução Prefeitura de Pirenópolis

O fácil acesso e a beleza são grandes atrativos para a Cachoeira das Araras. Suas duas majestosas cachoeiras e diversos poços são destaque nesse paraíso natural. Por ser uma cachoeira próxima a cidade de Pirenópolis, atrai muitos turistas e pode ficar cheia. 

A Cachoeira das Araras apresenta uma infraestrutura completa, incluindo restaurante, banheiros, lanchonete, parquinho, mesas à beira da cachoeira e espaço para camping. 

Para chegar à Cachoeira das Araras a partir do centro de Pirenópolis, siga pela GO-338 e vire à direita na placa que indica a entrada para a estrada de terra que conduz à sede da propriedade, que possui um amplo estacionamento. O trajeto total tem 22 km, com os últimos 3 km em estrada de terra em boas condições.

Agora você já sabe quais cachoeiras visitar quando vier a Pirenópolis. 

 

Quando vier a Pirenópolis conhecer as cachoeiras, hospede-se nas PiriCabanas

Para aproveitar por completo a experiência no cerrado goiano, as PiriCabanas é o melhor lugar. Com cabanas personalizadas e únicas, elas incluem opções como churrasqueira, área de lareira, ofurô ou jacuzzi, adega com uma seleção de rótulos especiais e uma variedade de outros confortos. Nas PiriCabanas sua estadia será encantadora em meio à natureza. 

Pirenópolis cativa seus visitantes com sua rica história, deliciosa culinária e cultura vibrante, garantindo que todos os hóspedes guardem memórias inesquecíveis. Se você é um entusiasta da história, da natureza ou da gastronomia, Pirenópolis oferece uma experiência autêntica e memorável. 

Não deixe de colocar Pirenópolis na sua lista de destinos!

Relacionados